Ensinar! Lição de vida

Copiei e colei do meu amigo, postado em Redes Sociais.

Um jovem encontra um senhor de idade e lhe pergunta:

  • Se lembra de mim?
  • E o velho diz NÃO.
  • Então o jovem diz que ele era aluno dele.
  • E o professor pergunta:
  • O que você está fazendo, o que você faz para viver?
  • O jovem responde: – Bem, eu me tornei professor.
  • Ah, que bom, como eu? (disse o velho)
  • Pois sim. Na verdade, eu me tornei professor porque você me inspirou a ser como você.
  • O velho, curioso, pergunta ao jovem que momento foi que o inspirou a ser professor.
  • E o jovem conta a seguinte história:
  • Um dia, um amigo meu, também estudante, chegou com um relógio novo e bonito, e eu decidi que queria para mim e eu o roubei, tirei do bolso dele.
  • Logo depois, meu amigo notou o roubo e imediatamente reclamou ao nosso professor, que era você.
  • Então, você parou a aula e disse:
  • O relógio do seu parceiro foi roubado durante a aula hoje.
  • Quem o roubou, devolva-o. Eu não devolvi porque não queria fazê-lo.
  • Então você fechou a porta e disse para todos nós levantarmos e iria vasculhar nossos bolsos até encontrarmos o relógio.
  • Mas, nos disse para fechar os olhos, porque só procuraria se todos tivéssemos os olhos fechados.
  • Então fizemos, e você foi de bolso em bolso, e quando chegou ao meu, encontrou o relógio e o pegou.
  • Você continuou procurando os bolsos de todos e, quando ele terminou, ele disse: – “Abra os olhos. Já temos o relógio.”
  • Você não me disse nada e nunca mencionou o episódio.
  • Nunca disse quem foi quem roubou o relógio.
  • Naquele dia, você salvou minha dignidade para sempre.
  • Foi o dia mais vergonhoso da minha vida.
  • Mas também foi o dia em que minha dignidade foi salva de não me tornar ladrão, má pessoa, etc.
  • Você nunca me disse nada e, mesmo que não tenha me repreendido ou chamado minha atenção para me dar uma lição de moral, recebi a mensagem claramente.
  • E, graças a você, entendi que é isso que um verdadeiro educador deve fazer.
  • Você se lembra desse episódio, professor?
  • E o professor responde:
  • “Lembro-me da situação, do relógio roubado, que procurava em todos, mas não lembro de você, porque também fechei os olhos enquanto procurava.”
  • Esta é a essência do ensino: Se para corrigir você precisa humilhar; você não sabe ensinar.

Post Author: Angelo M. Rodrigues

Desenvolvedor, Músico (nas horas vagas) e entusiasta de tecnologia. Trabalha com Tecnologias Web desde 1998, passando por diversos tipos de projetos nas áreas de distribuição, fabricação, financeira, comércio eletrônico, ERPs, entre outros.

Deixe uma resposta