Sindpd move ação por correção do IR para TI

O Sindicato dos Trabalhadores em Processamento de Dados e Tecnologia da Informação entrou com uma ação para corrigir a tabela do Imposto de Renda dos trabalhadores de TI.

O SINDPD diz que a iniciativa visa garantir o rendimento dos salários da categoria e evitar que os ganhos conquistados no ano passado sejam corroídos.

Segundo o sindicato, o acordo firmado entre o governo e as centrais sindicais que reajustava anualmente a tabela do IR em 4,5% expirou neste ano.

Sem corrigir a tabela, muitos trabalhadores que eram isentos passam a pagar imposto, o que acaba diminuindo o ganho em vez de aumentar, argumenta o Sindpd.

O Sindpd pede na ação que a correção da tabela do IR seja feita de acordo com a inflação de 2010, que é de 6,46% (INPC/IBGE), e que dessa forma, seja aplicada a isenção aos trabalhadores que recebam até R$ 1.595,99.

Também defende a aplicação da alíquota de 7,5% para quem recebe de R$ 1.595,99 à R$ 2.391,89, de 15% para a faixa de R$ 2.391,89 à R$ 3.189,22, de 22,5% para os que ganham de R$ 3.189,22 à R$ 3.985,00 e, por fim, de 27,5% somente para aqueles que recebam salário superior a R$ 3.985,00.

Fonte: Info

Post Author: Angelo M. Rodrigues

Desenvolvedor, Músico (nas horas vagas) e entusiasta de tecnologia. Trabalha com Tecnologias Web desde 1998, passando por diversos tipos de projetos nas áreas de distribuição, fabricação, financeira, comércio eletrônico, ERPs, entre outros.

Deixe uma resposta